top of page

5 de outubro é Dia Municipal dos Ternos de Congos em Poços de Caldas

Nesta quinta-feira, 5 de outubro, Poços de Caldas celebra o Dia Municipal dos Ternos de Congos - a data foi escolhida por se tratar do Dia de São Benedito no Brasil.


O Dia Municipal dos Ternos de Congos integra o Calendário Oficial de Eventos Turísticos, Culturais e Desportivos do município e a lei foi aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal no dia 3 de maio de 2022, Dia de Santa Cruz, primeira grande manifestação cultural relacionada à Festa de São Benedito.


Segundo informações da Arquidiocese de São Paulo, a identificação do povo brasileiro com São Benedito é tanta que até sua comemoração tem uma data só nossa. Embora em todo o mundo sua festa seja celebrada em 4 de abril, data de sua morte, no Brasil ela é celebrada, desde 1983, em 5 de outubro, por uma especial deferência canônica concedida à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).


Tradição centenária na cidade de Poços de Caldas, os Ternos de Congos são a expressão máxima da Festa de São Benedito, realizada ao menos desde 1904, data do primeiro registro preservado que garante a sua execução, ainda na então Freguesia da Nossa Senhora da Saúde das Águas de Caldas. A festa de São Benedito é registrada como bem imaterial desde 2020.


Os tambores reverenciam a fé e a devoção do povo ao Santo Negro, marca do sincretismo tão característico da cultura mineira. Segundo o Dossiê de Registro do Bem Imaterial Festa de São Benedito de Poços de Caldas, elaborado pela Divisão de Patrimônio Construído e Tombamento, “o Congado é uma dança que lembra a coroação do Rei Congo e da Rainha Ginga de Angola, acompanhado de um cortejo compassado, levantamento de mastros e música. Esta manifestação cultural e religiosa, de influência africana, ocorre em algumas regiões do Brasil, tendo por temas a devoção a São Benedito e o encontro da imagem de Nossa Senhora do Rosário”.


Em Poços de Caldas, a tradição está ligada também aos Grupos de Caiapós, irmanados aos congadeiros. Os Ternos de Congos têm papel central na tradição de celebrar São Benedito, sendo responsáveis pela programação cultural da festa, especialmente no Dia de Santa Cruz, na Retirada dos Caiapós da Mata, Missa Festiva e Procissão Solene.


Com o objetivo de reunir, preservar e valorizar as manifestações tradicionais da cultura popular relacionadas à devoção a São Benedito no município foi criada, em 2002, a Associação dos Ternos de Congos e Caiapós de Poços de Caldas, que conta com os seguintes Ternos de Congos: São Benedito, Nossa Senhora do Rosário, Nossa Senhora do Carmo, Santa Efigênia, Santa Bárbara e São Gerônimo e Nossa Senhora da Saúde, além do Grupo de Caiapós do São José.


Esta é a terceira vez que o Poder Público celebra a data, sendo a segunda após a publicação da Lei. Em 2021, o Dia de São Benedito foi marcado pelo lançamento do documentário “São Benedito de Poços de Caldas: a fé e a devoção de seus Congos e Caiapós”.


Para marcar a data, nesta quinta-feira, 5 de outubro, às 19h30min, na Capela de São Benedito, será celebrada uma missa festiva com a presença dos Ternos de Congos de Poços de Caldas, seguida pelo levantamento dos mastros.


Ainda na programação, foi realizada a exibição gratuita do documentário “Festa de São Benedito – Um século de resistência”, com bate-papo com Tita e Lúcia Vera, no Centro Cultural Afro-brasileiro Chico Rei, na quarta-feira (4), com realização de Juliano Silva Comunicação & Eventos e Carvalho Agência Cultural, com patrocínio da Prefeitura de Poços de Caldas, por meio da Secretaria Municipal de Cultura.


E segue em cartaz até 11 de outubro, a exposição “É dia de Congo!”, que reúne 20 registros fotográficos dos Ternos de Congos de Poços de Caldas, no hall de entrada da Câmara Municipal.

Comments


bottom of page