Revitalização do monumento do Cristo Redentor está em fase final

A Prefeitura por meio da Secretaria de Obras, em conjunto com a Secretaria municipal de Turismo, está promovendo uma completa revitalização do monumento do Cristo Redentor, no alto da Serra de São Domingos. Já foi realizada a limpeza da estátua e pintura, além da revitalização da base do monumento, sendo feita também a limpeza, reparos e posterior limpeza.


“É um trabalho extremamente necessário e que há muitos anos não tinha sua realização. O assunto foi colocado em pauta também pelo Conselho Municipal de Turismo, e agora a revitalização com equipe especializada foi possível, em parceria com a secretaria de Obras”, pontuou o secretário de Turismo, Ricardo Fonseca.


A empresa especializada contratada para realizar a limpeza, utilizou método de rapel para que pudesse desenvolver as ações no Cristo com total segurança e de forma mais célere possível. Também foram utilizados andaimes pelas equipes, nas partes mais baixas do monumento e com acesso mais fácil.


Todos os corrimões ainda serão pintados, e alguns detalhes finais estão em andamento. A ação já está em fase final e a previsão é de que nas próximas duas semanas o trabalho seja finalizado.


História

O monumento ao Cristo Redentor no alto da Serra de São Domingos, idealizado e concretizado por José Raphael dos Santos Neto, foi inspirado no monumento do Rio de Janeiro. Inaugurado em 13 de maio de 1958, empreitado pela firma Ottaviano Papais, de Campinas, possui uma altura de 30 metros, sendo 14 metros de pedestal e 16 metros da estátua.


As peças foram transportadas de Campinas para Poços de Caldas em cinco caminhões, pesando 21 toneladas. O peso total do monumento é de aproximadamente 500 toneladas, sendo que a imagem pesa 120 toneladas. Cada mão da imagem pesa 400 kg. Do chão ao primeiro patamar do pedestal sobe-se 52 degraus.


A vista da cidade do alto do Cristo é uma das mais belas paisagens de Poços de Caldas.