top of page

“Hollywood in Concert” abre Festival de Inverno de Poços de Caldas no dia 8 de julho

No dia 8 de julho, sábado, acontece a grande abertura do Festival de Inverno de Poços de Caldas. Às 20h, um dos mais belos cenários da cidade, o Parque José Affonso Junqueira, atrás do Palace Hotel, recebe o espetáculo “Hollywood in Concert”.


O concerto vai trazer grandes clássicos de filmes, animações e musicais de Hollywood, executados por músicos da Banda Sinfônica do Conservatório Musical, sob a regência do maestro Juliano Barreto, tendo como solista o cantor lírico Orival Bento Gonçalves Filho.


O evento é gratuito e aberto ao público e não há necessidade de retirada de ingressos. Serão disponibilizadas cadeiras para o público. No programa, canções eternizadas em grandes sucessos cinematográficos, como “New York, New York”, “Les Miserables” e “Superman”.


Formada em 2012, no Conservatório Musical de Poços de Caldas, a Banda Sinfônica surgiu quando professores do Conservatório Musical uniram alunos e músicos convidados com o objetivo principal de promover o desenvolvimento musical de seus integrantes através da prática em conjunto desenvolvida pedagogicamente. Hoje, o grupo conta com a presença de professores do próprio Conservatório, renomados e reconhecidos nacional e internacionalmente pelos trabalhos que desenvolvem.


Já o baixo-barítono Orival Bento Gonçalves Filho, nascido em Poços de Caldas e radicado em Nova Iorque, já foi aclamado pela critica do The New York Times por sua interpretação de Leporello, na ópera Don Giovanni, como “o mais elegante”, “inesquecível” e “soberbo do começo ao fim”. O solista do concerto acumula um vasto repertório operístico se apresentando em vários continentes.


“Hollywood in Concert” – a história “Hollywood in Concert” nasceu exatamente do maravilhoso encontro entre o baixo-barítono e os músicos da Banda Sinfônica do Conservatório Musical Antônio Ferrúcio Viviani. “Conhecemos o Orival em 2016, em um concerto da Banda Sinfônica no Palace Casino. Ali, estreitamos as relações e começamos a pensar em um projeto em conjunto. Em 2017, saiu nossa primeira iniciativa juntos, formada apenas por árias de ópera. Em 2018, avançamos na proposta e fizemos musicais da Broadway, também com grande público e sucesso de crítica. Já em 2019, tivemos a grande felicidade, também no Teatro do Palace Casino, de fazermos o projeto Disney in Concert, com temas de filmes e desenhos e o sucesso foi tanto que realizamos três apresentações seguidas, tamanha a relevância”, conta o regente da Banda Sinfônica, Juliano Marques Barreto.


Após a paralisação por conta da pandemia e devido ao sucesso das apresentações anteriores, em 2022 foi realizado o “Disney in Concert 2”, desta vez já ao ar livre e em praça pública, com público estimado em mais de 4 mil pessoas, com repertório totalmente reformulado e novo, dentro ainda da proposta Disney.


“Para 2023, chegamos com a proposta Hollywood in Concert para a abertura do Festival de Inverno, ampliando cada vez mais o nosso leque de repertório, com a possibilidade de filmes, musicais e animações dos mais variados estúdios e dos mais diversos compositores, consolidando esta parceria incrível entre Orival Bento Gonçalves e Banda Sinfônica do Conservatório”, completa o maestro Juliano Barreto.


Banda Sinfônica Formada em 2012, no Conservatório Musical de Poços de Caldas, a Banda Sinfônica surgiu da junção de professores, alunos e músicos convidados. Os alunos presentes são destaques em seus cursos e os músicos convidados, de Poços e região, são especialistas em seus instrumentos. Este conjunto é voltado para a música de concerto do mais alto nível de excelência, que vai desde grandes aberturas, suítes e fanfarras, até os conhecidos temas de filmes, rock e grandes musicais.


Por sua flexibilidade de repertório, fruto da produção artística do século XX, executa transições entre a orquestra sinfônica e as experimentações da música contemporânea. Em pouco tempo, a Banda Sinfônica conquistou notoriedade no cenário musical, pelo seu ideal que é divulgar e valorizar a música erudita e a música de concerto.


Já se apresentou em importantes palcos espalhados pelo Brasil, como por exemplo o Concerto na Sala Minas Gerais, em Belo Horizonte, considerada uma das melhores salas de concerto do mundo, concertos também nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e se apresentando até no Uruguai. Também, desde 2015, acompanhou solistas e artistas renomados como o consagrado Maestro João Carlos Martins, durante a abertura do Festival de Inverno.


Constantemente é convidada para diversos festivais internacionais de música instrumental, congressos, programas de televisão, temporadas em teatros da região, além de promover concertos didáticos em escolas municipais e estaduais.


A Banda Sinfônica ainda promove diversos projetos como; Projeto Novas Sonoridades, Por Dentro da Música Clássica, etc. que visam valorizar os integrantes atuantes na Banda Sinfônica e também formar público.


Orival Bento Gonçalves Filho Radicado em Nova Iorque e aclamado pela critica do The New York Times por sua interpretação de Leporello, na ópera Don Giovanni, como “o mais elegante”, “inesquecível” e “soberbo do começo ao fim”, Orival Bento Gonçalves Filho acumula um vasto repertório operístico se apresentando em vários continentes com personagens como: Banco em Macbeth, Don Pasquale em Don Pasquale, Sagristano em Tosca, Coline em La bohème, Zuniga em Carmen, Basilio em Il barbieri di Siviglia, entre outros.


Em seu repertório concertista estão obras como: Nona Sinfonia e Missa em Dó Maior de Beethoven, Messiah e Judas Maccabaeus de Händel, Requiem de Verdi, Requiem de Mozart, Requiem de Faurè, Die Schöpfung de Haydn, Petite Messe Solennelle e Stabat Mater de Rossini, Les Noces de Stravinsky, Passio Domini Nostri de Arvo Pärt e outras.


Entre algumas das premiações que recebeu estão: 1° lugar no II Concurso Internacional de Canto Bidu Sayão, 1° lugar na competição NATS (National Association of Teachers of Singing), 1° lugar no Neumiller Award, Bolsa de Estudos Hirsh e Prêmio Alliance Française de melhor intérprete de chanson française com subsequente curso na Université Sorbone, em Paris.


Natural de Poços de Caldas, Orival estudou em cidades como Paris, Köln, Québec, Nova Iorque, Washington, Houston, Barcelona e outras. Suas conquistas acadêmicas incluem Doutorado em Performance Vocal pela State University of New York, Mestrado em Performance Vocal pela Rice University e Bacharelado em Performance Vocal e Literatura da Música pela University of Houston, onde graduou-se com distinção.


O Festival de Inverno de Poços de Caldas acontece de 8 a 23 de julho, com mais de 150 atividades que vão agitar a cidade, com muita música, teatro, circo, dança, exposições, cultura popular e recreação para todas as idades e gostos, na região central e também nos bairros.

Comments


bottom of page