top of page

Prazo para Inscrições na Copa Internacional de Mountain Bike em Poços de Caldas vai até segunda-feira, 17 de junho

Os ciclistas que não se imaginam de fora da estreia da Copa Internacional de Mountain Bike na cidade de Poços de Caldas, no Sul de Minas Gerais, devem estar atentos aos prazos de inscrição e de reservas antecipadas de vagas de estacionamento no Parque do Cristo, o local do evento.


A competição acontecerá entre os dias 21 e 23 de junho, com a realização de três diferentes modalidades: Maratona (XCM) e Short Track (XCC), abertas a todos os níveis, e o Cross Country Olímpico (XCO), apenas para atletas federados.


As inscrições para a terceira etapa de 2024 se encerram na próxima segunda-feira, dia 17 de junho, e seguem abertas no site do evento – www.cimtb.com.br. Elas também podem ser feitas diretamente no site do Ticket Sports.


Para acessar todas as informações relativas ao evento, basta entrar no site oficial da prova – www.cimtb.com.br – e clicar em Informações, acessando as abas Regulamentos e Programação. Nelas, os interessados em participar da competição encontram tudo sobre o evento.


Vagas de estacionamento

Quem vai competir na etapa de Poços de Caldas deve ficar atento às questões de mobilidade e acesso ao Parque do Cristo. Apenas os atletas que já estiverem inscritos na competição terão preferência para reservar vaga de estacionamento (máximo de 1 vaga por atleta) até o dia 17 de junho, ou até quando houver vagas disponíveis. O valor do pacote para estacionar o veículo na sexta, sábado e domingo é de R$ 60,00.


Para garantir uma vaga, os atletas devem preencher o formulário criado pela organização da Copa Internacional de MTB pelo link.


As vagas são limitadas e há quatro estacionamentos divididos das seguintes forma:


– Estacionamento 1: Ao lado da área de apoio do XCO na rampa de voo livre – apenas para equipes, expositores e patrocinadores.


– Estacionamento 2: Na entrada do Parque do Cristo – destinado aos atletas.


– Estacionamento 3: Cerca de 1 km de distância na Pedra Balão – para atletas e público.


– Estacionamento 4: Exclusivo para motocicletas, também com vagas limitadas. 


Os atletas (e o público) que não conseguirem reservar uma vaga de estacionamento terão as seguintes opções para chegar ao Parque do Cristo:

1.⁠ ⁠Carro: Apenas para desembarcar a bike, com alguém devendo descer com o carro imediatamente.


2.⁠ ⁠Teleférico: (Não é permitido levar a bike). O ingresso para subir e descer custa R$ 60,00, mas o atleta e dois acompanhantes pagam meia, assim como os moradores da cidade. Horário de funcionamento especial para o evento: sexta (21) das 9h às 21h, sábado (22) das 7h às 21h e domingo (23) das 7h às 19h.3.⁠ ⁠


VAN: Ponto de partida no teleférico na cidade – R$ 30,00 por pessoa para subir e descer.


4.⁠ ⁠Táxi ou carro por aplicativo: O App “20 BUSCAR” é o parceiro oficial da CiMTB em Poços de Caldas e o valor da corrida deve ser cerca de R$ 35,00 por viagem, dependendo do local de partida ou destino no retorno.


5.⁠ ⁠Moto Táxi: cerca de R$ 20,00 por viagem.


6.⁠ ⁠Motocicleta: Se não houver vaga, a moto deverá descer imediatamente.


7.⁠ ⁠Subir de bike ou a pé: (Via pista ou trilha que parte de Fonte dos Amores). Uma parte da estrada estará sinalizada com cones para dar mais segurança aos usuários.


História da CiMTB

A organização da CiMTB realizou sua primeira prova em 1996. Desde então, vem inovando e contribuindo ativamente para o crescimento e fortalecimento do mountain bike e o mercado de bicicletas no Brasil. Contando pontos para o ranking mundial da União Ciclística Internacional (UCI) desde 2004, a CiMTB tem sido seletiva para os Jogos Olímpicos nos ciclos de Pequim 2008, Londres 2012, Rio 2016, Tóquio 2020 e Paris 2024.


Em 2022, a CiMTB aumentou ainda mais sua relevância internacional, com a realização da etapa de abertura da Copa do Mundo Mercedes-Benz de Mountain Bike 2022, em Petrópolis, já em 2024 organizou a etapa de Araxá da WHOOP UCI Mountain Bike World Series. Além disso, foi responsável pela construção da pista de mountain bike dos Jogos Olímpicos Rio 2016, considerada uma das melhores da história dos Jogos desde 1996, primeiro ano do MTB em Olimpíadas.

Comments


bottom of page